Category Archives: Insultando

Te conheço?

Olá malignos leitores! Essa merda de çaite nunca é atualizado, eu sei (acho que já falei isso nos últimos textos) não precisam me falar. Na verdade não é atualizado por que é uma bosta de blog e ninguém lê mesmo então foda-se.

Bom, um dos motivos dessa pocilga não ser atualizada é que eu estava com preguiça mental de escrever algo por aqui. Mas seus problemas acabaram! Voltarei a escrever aqui (ok, eu também falei isso da última vez), portanto sua dose semanal de porcaria estará garantida.

Anyway, para retomar a atividade deste aterro sanitário virtual resolvi falar um pouco de mim. Isso mesmo! Não que minha vida seja lá aquela coisa que se diga “nossa como é interessante a vida deste rapaz”, mas acho que seria legal eu vomitar sobre vocês alguns aspectos sobre esta pessoa que é a mais importante na minha vida: eu.

Vamos lá.

O jeito mais fácil de se apresentar acho que seria falando das coisa que eu gosto. Obviamente não farei aqui uma lista das coisas que eu gosto por que ficaria meio sem sentido, meio vazio. Vou falar apenas umas coisinhas só a título de informação.

Gosto muito de ler. Sou fanático por pocket books em inglês, não que eu seja mala e só leio em inglês, mas sim porque é mais barato. Cópias em português são mais caras porque os tradutores precisam ser pagos, as editoras adoram enfiar uma capa dura, o livro passa novamente por revisão, editoração (existe isso? não sei), reimpressão, tudo novamente e isso é enfiado no preço. Mas o que eu adoro ler mesmo são revistas em quadrinhos! Adoro Marvel, mas não sou muito fã de DC Comics. Além desses dois sou leitor de Vertigo, Conan e Judge Dredd. Obviamente fui leitor de Turma da Mônica. Ah, e sou completamente FANÁTICO por Watchmen. Obs.: odeio mangás.

Sou ateu. E como sei que vão me perguntar o porquê de eu não acreditar em Deus ou deuses, aqui está a resposta: pela simples falta de evidências. Não acredito em deuses pelo mesmo motivo que você não acredita na existência de duendes, ou unicórnios, ou que há milhares de anos um bule gira em torno do Sol, mas é tão pequeno que ninguém ou nenhum telescópio é capaz de enxergar. Particularmente acho que as religiões separam as pessoas. O mundo seria um pouco melhor sem religiões.

Sou péssimo com mulheres. Sou muito ruim no “aproach” com as mulé. Nunca fui um cara pegador e talz, tenho um pouco de falta de autoconfiança (a falta de beleza também contribui, hehehe). Não que eu seja um completo retardado na coisa, mas 75% das vezes que eu converso com alguma mina em uma balada, no final da noite eu acabo ficando abraçado é com a garrafa de cerveja. Definitivamente eu não sou um cara transão.

Sou contra a pena de morte. Matar algum criminoso como punição e principalmente servir de exemplo é a coisa mais primitiva que existe. Não resolve o problema e o que é mais grave, aproxima a sociedade do caos. Não quero morar em um país que se iguale ao Iraque, Sudão, Irã, Alemanha nazista, entre outros. Pena de morte é ferramenta de medo e deixa um povo aos caprichos de um ou mais líderes que, por exemplo, poderiam achar que quem gosta da cor verde é um criminoso e merece morrer (claro, fazendo aqui uma analogia né, vocês entenderam).

Sou a favor do casamento homoafetivo. Pelo simples fato que é um direito CIVIL que TODO cidadão deveria ter, sem distinções. Poder compartilhar benefícios como plano de saúde, previdência, adoção de crianças é um direito de qualquer casal, seja hétero ou gay. E se você acha que um casal gay não tem “base moral” para adotar e educar uma criança, e apenas casais héteros é que têm, tenho apenas uma palavra pra te dizer: Nardoni. Tá bom, mais uma: Richthofen.

Sou a favor da descriminalização do aborto. Não como o aborto é feito hoje, essa carnificina generalizada. Mas sim sob rigorosa REGULAMENTAÇÃO. Uma mulher deveria ter o direito de ESCOLHER o que acontece com o seu PRÓPRIO corpo. E não significa que se alguém é a favor do aborto, ela irá fazer um aborto. Na verdade, para ter filhos acho que o casal deveria fazer um vestibular, isso sim. Existem muitos outros aspectos do porquê sou a favor do aborto, mas isso daria um post inteiro, portanto vou terminar por aqui.

Enfim, depois de eu VOMITAR sobre vocês esse texto, agora vocês me conhecem um pouquinho mais e tem a certeza que realmente não é uma boa ideia me convidar para tomar o chá da tarde em vossos lares, afinal eu sou um cara que não é cristão, é a favor da abominação gay, é a favor de assassinato de bebês e é contra a pena de morte, coisa essa que a bíblia claramente diz que é permitido. A saber, foi uma ironia (caso as ostras não entenderam).

Prometo que escrevo mais e com mais frequência. E o próximo post será mais soft.

Abraço nos bronquíolos!

Advertisements

O Gado

Olá povo

O post de hoje irá tratar de pecuária e de como ela é importante para o futuro do país.

Após este ultimo final de semana, onde aconteceram as eleições para Presidente, Governador, Senadores e Deputados Federais e Estaduais eu descobri que o Brasil é líder mundial em pecuária bovina. Antes eu achava que o que o país tinha de melhor e mais importante eram jogadores de futebol e a Petrobras (respectivamente em ordem de importância). Mas o que existe mesmo de mais importante no Brasil é o GADO.

O gado é tão importante, mas tão importante para o país que nesse final de semana ele foi decisivo em uma questão importante para o nosso futuro. Foi exatamente neste domingo que o gado ELEGEU UM PALHAÇO PARA DEPUTADO FEDERAL!

Pois é, meus prezados leitores. Aqui no Brasil a política é tratada como PIADA! E o pior de tudo, uma piada de extremo MAU GOSTO!

Foi neste final de semana que eu percebi que este país NUNCA irá sair do meio da MERDA. E por quê? Porque o GADO é quem decide quem irá tomar as decisões neste país.

Minha indignação não é pela candidatura do PALHAÇO Tiririca, afinal é direito incontestável de qualquer cidadão se candidatar a cargos públicos. Minha indignação é o POVO eleger uma bizarrice dessas! Ou seja, o coitado do Tiririca não tem culpa. O CULPADO SÃO VOCÊS AÍ QUE VOTARAM NELE!

Costumeiramente eu considero a política no Brasil como um grande e fétido monte de merda, e considero que os políticos são as moscas que rodeiam esse grande cocozão. Ou seja, a cada eleição mudam-se as moscas, mas a merda é a mesma! E o povo? O povo é o verme que cresce dentro do monte de merda, e que a qualquer momento vai se transformar em uma mosca para rodear a montanha de bosta.

Na verdade, toda essa minha indignação é só pra ilustrar o que eu tenho a dizer para o povo que elegeu o Tiririca: vocês são BURROS e IGNORANTES, vocês agem como GADO e merecem ser tratados com tal, vocês merecem se FODER pelo resto de suas medíocres vidas!

E eu gostaria de alertá-los pelo seguinte: vocês NÃO TERÃO o direito de reclamar depois! Quando a merda começar a feder forte, vocês NÃO PODERÃO desferir uma palavra sequer de descontentamento, e sabem por quê? Porque a CULPA É SUA! VOCÊ É O RESPONSÁVEL!

Lamentável. O pior do Brasil somos nós, os brasileiros.

O Dia em que Descobri que Deus era o Maior Cuzão do Universo

Olá queridos churumelos!

Mais uma vez cá estou para vomitar sobre vocês as porcarias que escrevo nesse blog de merda! Mas antes de você continuar, leia isto por favor.

A grande maioria dos meus amigos, alguns parentes e alguns poucos colegas de trabalho sabem que eu não sigo nenhuma religião e que não acredito em deuses, eles sabem que sou ateu. Mas nem sempre foi assim, pois eu costumava ser católico quando eu era criança e era mais fácil de ser enganado.

No post de hoje narrarei um fato que aconteceu comigo quando eu tinha lá meus 12 ou 13 anos, durante uma das aulas de catecismo (o que, devido ao que eu vou contar, me remonta ao fato de que eu já era ateu muito antes do que eu pensava ser).

A história começa em um lindo sábado de manhã (o que aliás é uma tremenda filhadaputagem ter que acordar cedo só pra ler a bíblia) e a professora de catecismo explicava sobre a primeira Pegadinha do Mallandro que se tem registro: Gênesis 22.

Pra quem não sabe, Gênesis 22 é o capítulo da briba que conta aquela estorinha sobre Abraão ter que sacanear com seu filho Isaac e enfiar-lhe uma peixeira bucho adentro, em nome de deols.

Pra quem nunca leu, é esse aqui ó:

1 E aconteceu, depois destas coisas, que tentou Deus a Abraão e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. 2 E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá; e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi. 3 Então, se levantou Abraão pela manhã, de madrugada, e albardou o seu jumento, e tomou consigo dois de seus moços e Isaque, seu filho; e fendeu lenha para o holocausto, e levantou-se, e foi ao lugar que Deus lhe dissera. 4 Ao terceiro dia, levantou Abraão os seus olhos e viu o lugar de longe. 5 E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e, havendo adorado, tornaremos a vós. 6 E tomou Abraão a lenha do holocausto e pô-la sobre Isaque, seu filho; e ele tomou o fogo e o cutelo na sua mão. E foram ambos juntos. 7 Então, falou Isaque a Abraão, seu pai, e disse: Meu pai! E ele disse: Eis-me aqui, meu filho! E ele disse: Eis aqui o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto? 8 E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim, caminharam ambos juntos. 9 E vieram ao lugar que Deus lhes dissera, e edificou Abraão ali um altar, e pôs em ordem a lenha, e amarrou a Isaque, seu filho, e deitou-o sobre o altar em cima da lenha. 10 E estendeu Abraão a sua mão e tomou o cutelo para imolar o seu filho. 11 Mas o Anjo do SENHOR lhe bradou desde os céus e disse: Abraão, Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. 12 Então, disse: Não estendas a tua mão sobre o moço e não lhe faças nada; porquanto agora sei que temes a Deus e não me negaste o teu filho, o teu único. 13 Então, levantou Abraão os seus olhos e olhou, e eis um carneiro detrás dele, travado pelas suas pontas num mato; e foi Abraão, e tomou o carneiro, e ofereceu-o em holocausto, em lugar de seu filho.

Então lá estava a professorinha narrando esse capítulo e ao final da leitura ela manda a pergunta:

-Queridos alunos, porquê vocês acham que deus pediu para que Abraão matasse seu filho Isaac?

Então eu, que achei que deus NUNCA pediria pra alguém matar o próprio filho, afinal deus é infinita bondade, levantei minha mãozinha e respondi:

-Ô psôra, eu acho que não era deus que estava falando com Abraão. Acho que era o demônio disfarçado tentando enganar ele!

Então a professora responde: -Não, não era o demônio disfarçado.

Eu replico: -Então era o Satanás?

Ela: -Não, também não.

Eu: -Belzebu?

Ela: -Não.

Eu: -Lúcifer?

Ela: -Não.

Eu: -Seria o Capiroto?

Ela: -Nããão.

Eu: -Então era o Pé Preto?

Ela: -Não, não.

Eu: -O Tinhoso? Cramulhão? O Tranca-Rua? O Cão?

Ela: -Não, não e nããão muleque! Não era o demônio!

Eu: -Mas professora, então quem era, já que NÃO era o Capeta?

Ela: -Era Deus mesmo. Deus estava testando a fé de Abraão, para ver se realmente ele era um servo do Senhor! (Nesse momento ela abre um grande sorriso como se fosse a coisa mais normal do universo alguém pedir para você matar seu filho pra provar sua fé).

Eis então que, ao saber que Deus tinha aprontado tremenda sacanagem pra cima do Abraão, eu faço essa cara:

OMG!

Foi então que comecei pensar sobre o fato. Se Deus PRECISAVA de uma prova que Abraão era fiel e obediente, então Ele não poderia ser onisciente já que se fosse saberia que Abraão era fiel sem precisar mandar ele foder com a vida de Isaac. Mas se Ele fosse realmente onisciente, não poderia ser bondoso de forma alguma. Muito pelo contrário, Ele seria maquiavélico, sádico e egocêntrico pois, sendo onisciente, saberia de antemão que Abraão era fiel e não precisaria provar a sua fé, só o fez para satisfazer seu ego e ver que Abraão faria qualquer coisa que Ele mandasse. Como seria possível alguém que me diziam ser infinita bondade aprontar tamanha filhadaputagem com o coitado do Abraão, que nunca fez nada sequer pra uma mosca (quer dizer, Isaac não concordaria muito com isso, hehehe). Foi nesse momento que eu descobri que Deus era o cara mais CUZÃO do universo!

Depois dessa primeira trollada épica que se tem registro, Deus deve ter feito essa cara ao ver que tinha feito o pobre do Abraão de idiota:

Deus trollando Abraão

Se eu fosse o Abraão naquele momento, teria dito:

-Porra ô Deus! Tá de sacanagem comigo? Depois de me fazer cortar um pedaço do meu pinto, me fazer andar TRÊS dias por essa merda dessa terra amaldiçoada no meio do deserto, e me fazer quase matar meu ÚNICO filho, tudo isso só pra você ter uma prova da minha fé? Sugiro que vá tomar em vosso rabo divino! Vou sair fora, vou ali do outro lado adorar outro deus. Algum que não seja tão sacana tipo Budha, Osíris ou Zeus. Já sei, acho que vou adorar Thor, ele tem um martelão dahora!

Mas é claro que os religiosos possuem milhares de explicações sem nenhum sentido para justificar tal Divina Sacanagem, mas isso é um outro assunto.

Pois bem, até mais e não percam no próximo capítulo: Deus, Adão e a Teoria da Costelogênese.

Manual de Detecção de Pessoas Chatas

Olá queridos galhofentos!

Primeiramente não tecerei desculpas pela falta de atualização desta pocilga porque:

1º – eu não consegui inventar nenhuma.

2º – ninguém lê essa droga de blog mesmo.

3º – Cremalheira (não, não comprei uma cremalheira – é que eu gosto muito dessa palavra portanto achei apropriado inseri-la no texto agora).

No post de hoje darei algumas dicas (rá, como se eu fosse alguém importante para dar dicas) de como identificar pessoas chatas.

Sabemos que durante nossas medíocres vidas, em várias oportunidades conheceremos pessoas novas sejam em festas, bares, baladas ou naqueles estabelecimentos familiares situados na Rua Augusta que seu tio te levou quando você completou dezoito anos. Portanto logo abaixo listarei alguns aspectos importantes que você deverá analisar durante a conversa , para que possa identificar se esse seu novo/a amiguinho/a é maneirox ou apenas um tremendo chato de galochas (o que me faz pensar que aparentemente usar galochas faz de um chato uma pessoa mais chata ainda, mas isso não vem ao caso agora).

Música

Um dos maiores assuntos que podem fazer você se interessar por uma pessoa é o gosto musical. Sabemos que se a pessoa tem o mesmo gosto musical que você, a conversa pode durar horas. Então o método mais fácil de começar uma conversa é perguntando qual é o tipo de música que a pessoa gosta.

E é aí que, de cara, podemos identificar se a pessoa é um tremendo chatonildo. Se em algum momento a pessoa citar que possui como bandas favoritas tipos como Teatro Mágico, Cordel do Fogo Encantado, Los Hermanos ou Pato Fu, corra meu amigo mas corra forte, pegue o primeiro ônibus que vai para o Tocantins e só saia de lá quando estiver seguro! Em hipótese alguma pessoas legais dirão que gostam destas porcarias sem tamanho. Pessoas legais gostam de bandas de verdade como AC/DC, Velhas Virgens, Van Halen e afins.

Gastronomia

Comida minha gente! Afinal, se a pessoa passou pela etapa do assunto música o próximo passo é leva-la para comer (no sentido de alimentar-se, seus escrotos). Se chegou a hora de comer e a pessoa dizer que é vegetariana, ou que aprecia rodízio de sushi, ou que gosta do Subway, imediatamente pegue seu celular, finja que está falando com alguém e invente a desculpa que sua vozinha morreu atropelada por um camelo albino e você precisa ir embora. Porque, meu amigo, se a pessoa fosse realmente legal ela já teria te convidado para ir à um rodízio de carne, ou para comer um cachorro quente, ou uma pizza com catupiri e bacon, ou até mesmo um suculento churrasco grego lá no Anhangabaú. Pessoas legais se divertem até nas refeições, pensem nisso!

Bebidas

Pessoas legais gostam de se embriagar, e quando o fazem utilizam bebidas com alto grau de legalzice tais como vodkas, Ypiroca ou Conhaque Presidente, porque o importante é ficar bêbado, pois isso é o que pessoas legais fazem.

Como eu disse, pessoas legais se embriagam, portanto é praticamente impossível se embebedar consumindo bebidinhas frutinhas como Smirnoff Ice, Jurupinga ou Martini com azeitoninha dentro, pois é exatamente disso que pessoas chatas gostam. Por isso meus queridos, se a pessoa aparecer segurando algo desse tipo, finja que está passando mal e precisa ir no banheiro vomitar e trocar a sua fralda geriátrica, e na menor chance pague sua conta e vá embora antes que o chato te veja novamente.

Cinema

Filmes legais são feitos por pessoas legais para pessoas legais. Portanto se a pessoa começou a falar sobre cinema e juntou na mesma frase as palavras Festival de Cannes + Cinema Iraniano + Prêmio de Melhor Roteiro, aplique-lhe um chave de braço e uma dedada no olho pois é isso que pessoas chatas que gostam desse tipo de porcaria merecem. Pessoas realmente legais gostam de filmes como Star Wars, Matrix, ou que tenha no elenco Charles Bronson, Chuck Norris ou Steven Seagal. Pessoas legais gostam de filmes com violência, explosões, tiros, sangue, mais violência, violência que gera explosões e explosões violentas!

Colégio

Todos os itens acima não se comparam em nada a este em matéria de análise de chatice.

Essa é a pergunta crucial que deverá ser feita para sabermos se realmente a pessoa é a encarnação da chatice na terra.

Pergunte para ela qual era a matéria que mais gostava na época do colegial. Se ela responder algo como Química, Literatura ou Filosofia, estapeie-a imediatamente na cara, jogue fluido de isqueiro, ateie fogo e tente apagar com pauladas, pois isso é o ápice da chatice e deve ser eliminado!

Pessoas realmente legais gostavam apenas de UMA matéria: Educação Física.

É isso, tá aí o Manual de Detecção de Pessoas Chatas. Guarde-o com carinho, não seja chato e introduza-o na sua rodinha… de amigos, hehehe (eu sei, foi uma piada infame digna de um chato).

Mas antes que eu me esqueça, meus queridos texugos. Só existe uma pergunta que realmente detecta um chato logo de cara: Você tem blog?

Pessoas legais NÃO possuem blogs.

Abraço nas amígdalas!